Arrogância Humana: Podemos decidir quem deve ser salvo e quem pode ser extinto?

Por Marcelo Szpilman *

Vamos salvar as tartarugas, golfinhos e baleias? Salvemos também os magníficos tigres siberianos. E por que não os simpáticos ursos panda? Em algum momento você se preocupou em saber qual a importância desses animais para a Natureza? Claro que não, e isso absolutamente influenciaria sua decisão de salvá-los. Mas por que então esse mesmo comportamento não ocorre quando o clamor é dirigido a animais menos “simpáticos”, como morcegos e tubarões. Por que essa desigualdade de tratamento?

Somos a espécie que hoje domina o Planeta e temos o poder de fazer o bem ou o mal. Mas será que temos o direito de deixar que a empatia influencie nossa decisão sobre quem deve ser salvo e quem pode ser extinto?

Não cabe discutir ou comparar relevâncias para a Natureza, até porque todos os seres têm o direito à vida e à proteção, mas é importante salientar que, apesar de sua injustificada fama, os tubarões exercem um papel crucial na manutenção da saúde e do equilíbrio da vida nos oceanos.

Nos últimos 50 anos o ser humano vem provocando enorme impacto na vida marinha, com desequilíbrios populacionais e extinção de milhares de espécies. Nossa contumaz arrogância não nos permite perceber que a destruição das teias alimentares dos mares pode, além de liquidar ecossistemas marinhos, influenciar a qualidade do ar que respiramos, já que a maior parte do oxigênio do Planeta é produzido nos oceanos. E o pior de tudo isso é que sabemos exatamente o que estamos fazendo e continuamos a fazê-lo.

Mas não sejamos hipócritas. A Humanidade não teria chegado aonde chegou e não se sustentaria nos níveis atuais sem a pesca industrial, sem as vastas áreas de agricultura, sem as grandes criações de animais para abate e sem os impactos gerados na produção de energia e bens de consumo. Nossos antepassados e nós mesmos temos nos beneficiado do bem-estar proporcionado pelo progresso. No entanto, quem vem pagando sozinha essa conta é a Natureza.

A falta de controle e uso insustentável dos recursos naturais nos níveis atuais nos forçará, mais cedo ou mais tarde, a dividir essa fatura. Felizmente, ainda temos a capacidade e o poder de reverter o mal que estamos causando ao Planeta. Ainda temos a chance de tentar viver harmoniosamente com a Natureza.

É importante que se diga, no entanto, que a humanidade não fará nada nesse sentido. Quem faz são indivíduos ou grupos de indivíduos (ONG’s) que agem, lutam ou apóiam as causas ambientais. E não adianta também você pensar que os outros farão isso. Não há mais lugar para o “deixa que eu deixo”. É preciso que você também se envolva na proteção dos ecossistemas e dos seres marinhos. Sem distinção. Sem favoritismo. Sem preconceito.

Salvemos as baleias e tartarugas, mas salvemos também os tubarões da matança cruel. Somente na próxima hora, 15 mil tubarões serão mortos nos mares do Planeta. Boa parte para obtenção de suas barbatanas, em uma ação predatória progressiva, silenciosa e insustentável que ameaça a sobrevivência dos tubarões e a vida no Planeta.

Texto recebido por email do Instituto Aqualung.

About these ads
Published in: on 13/07/2010 at 20:02  Comments (4)  

The URI to TrackBack this entry is: http://mariliaescobar.wordpress.com/2010/07/13/arrogancia-humana-podemos-decidir-quem-deve-ser-salvo-e-quem-pode-ser-extinto/trackback/

Feed RSS para comentários sobre este post.

4 ComentáriosDeixe um comentário

  1. Muito bom o texto, nunca tinha pensado por esse lado.

    • Oiiii….

      Olha, é o que muita gente pensa. Tanto que quando recebi este email não pensei duas vezes antes de postar esta matéria. Que bom que gostou… volte mais vezes, ok?

      Abraços!

  2. acho que esquecemos que este planeta e nosso lar e temos responsabilidades com ele,materia que nos faz pensarrrrrrrr


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 994 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: