Fábrica de Filhotes: Abusando dos Cães para Esquentar o Comércio de Filhotes.

Aqueles filhotes de cães e gatos, fofíssimos, que ficam nas pet shops à venda, são difíceis de resistir, não é mesmo? Mas uma rápida olhada em como essas lojas obtém os animais revelam um sistema na qual o preço que o consumidor paga pelo “cãozinho na vitrine” é pouco perto do sofrimento dos animais.

Aquele adorável filhote, provavelmente veio de uma “fábrica de filhotes”, um lugar onde não se há controle algum sobre a reprodução dos animais. Não é difícil de encontrar um lugar assim: pode ser um vizinho que tem uma cadela “linda” e quer acasalá-la para “ganhar dinheiro”.

Resultado: filhotes que não têm nenhum controle genético, podem carregar alguma doença hereditária e a cadela mãe que não tem descanso: é colocada para acasalar todo cio, ou seja, duas vezes por ano. Algumas até permanecem trancafiadas. Muitos sequer levam os animais ao veterinário. A maioria dos animais (filhotes e adultos) não é socializada. O resultado disso é que muitos filhotes acabam sendo abandonados depois de semanas ou meses, pois os donos ficam frustrados com o animal que adquiriram, aumentando ainda mais a população animal das ruas, tornando-os expostos aos maus-tratos, à fome, ao frio.

Gaiolas, Sujeira e Negligência

Nas fábricas de filhotes os animais ficam em pequenas gaiolas feitas de madeira e arame, cabines de pick-ups ou simplesmente amarrados a uma corda. Como já foi dito acima, as cadelas acasalam duas vezes ao ano e geralmente são sacrificadas quando não conseguem mais ter filhotes. As cadelas e suas crias geralmente sofrem de má nutrição, não têm sequer um abrigo e não têm atendimento veterinário nenhum.

Os filhotes são separados da mãe e vendidos, sendo então colocados em gaiolas e levados às pet shops. Essas viagens podem ser de centenas de quilômetros em pick-ups, trailers, caminhões e/ou aviões, sem comida, água, ventilação, abrigo e espaço para se exercitar. Muitos filhotes chegam a ficar superaquecidos e morrer de calor. Mesmo que uma pet shop jure de pés juntos que não pega os animais de fábricas de filhotes, há grandes chances de que compre de pessoas que têm ligação com essas fábricas, vendendo seus filhotes.

Os filhotes que sobrevivem às condições anti-higiênicas das fábricas de filhotes e ao péssimo transporte até as pet shops raramente conhecem o contato humano que tanto é necessário para se tornarem bons animais de estimação. Por não gastar dinheiro com alimentação adequada, abrigo e cuidados veterinários, as fábricas de filhotes têm um lucro altíssimo.

As condições não melhoram muito quando os filhotes chegam às pet shops. Cães que são mantidos em pequenas gaiolas sem exercícios, amor e contato humano tendem a desenvolver comportamentos indesejáveis e podem latir excessivamente ou se tornar destrutivos e anti-sociais. Diferentemente de sociedades protetoras, as pet shops não se preocupam com o futuro dos filhotes. A falta de leis nesse sentido permitem que as pet shops continuem a vender animais doentes, embora a polícia algumas vezes consegue fechar essas lojas quando se descobre que os animais sofrem de abusos e maus-tratos.

Fábricas e “corretores” fazem grandes negócios

Em algumas dessas fábricas os cães não têm uma cama para dormir e nem proteção contra o frio ou contra o calor. Alguns possuem feridas que não foram medicadas, infecções na orelha e abscessos nas patas. O confinamento e a solidão, algumas vezes, deixam as cadelas loucas.

Existem milhares de “criadores” e de negociadores pelo país, o que gera um movimento grande de dinheiro.

A angústia das raças puras

Algumas pessoas compram cães de determinadas raças por impulso e na maioria das vezes as pessoas sequer lêem a respeito da raça ou estão prontos para o compromisso e as responsabilidades de se ter um animal de estimação. Filmes como 101 Dálmatas e Beethoven, programas de TV como Frasier e comerciais como o do Taco Bell causaram um boom de popularidade de certas raças e, ainda, a maioria dos donos sabem quais são os cuidados necessários da raça que ele comprou. “Toda vez que Hollywood faz um filme de cachorro, aquela raça se dá mal”. Quando aumenta a procura por determinada raça, as fábricas de filhote entram em ação e produzem centenas de filhotes daquela raça. Mas, quando o Jack Russell Terrier não é nada parecido com o “Eddie” de Frasier ou o São Bernardo não age como o “Beethoven”, os abrigos e CCZs lotam de cães dessas raças, que foram abandonados por seus donos.

A solução para isso seria os verdadeiros criadores castrarem os filhotes que seriam vendidos como pet, ou seja, como animais de estimação. Aqueles filhotes com qualidade para reprodução e exposição não seriam castrados mas, se vendidos, a responsabilidade de sua criação seria do criador, e não do dono. Os compradores, também, não devem comprar de pet shops, mas sim, de criadores sérios. O preço é mais caro, mas, como diria o ditado: o barato sai caro. Nas fábricas de filhotes, os cães são criados para quantidade, e não qualidade, então doenças genéticas e problemas de comportamento que passam de geração para geração são bem mais comuns nesse tipo de criação. Essa situação resulta em contas de veterinário altíssimas para as pessoas que compram esses cães, além de a probabilidade de se ter cães com desvios de comportamento e anti-sociais ser maior. Os treinadores afirmam que nessas fábricas não há a menor consideração a respeito do temperamento do animal. E, no final, as pessoas ou abandonam os animais por não corresponderem ao que queriam ou, simplesmente, os sacrificam.

Inspeções inadequadas

As fábricas de filhotes raramente são monitoradas pelo governo e não existem leis que a proíbam. Cabe a nós mudar essa situação, pelo bem dos animais, não comprando filhotes de pet shops.

Procurando por um companheiro canino

Com milhares de cães e gatos abandonados (incluindo os de raça) morrendo anualmente nos CCZs, simplesmente não existe razão para que os animais se reproduzam e seus filhotes sejam vendidos pelas pet shops. Sem as pet shops, as fábricas de filhotes tendem a desaparecer e o sofrimento dos cães irá acabar. O melhor lugar para se encontram um amigo animal é em um abrigo, em feiras de adoção ou no CCZ da sua cidade.

Fonte: PETA – Helping Animals: www.helpinganimals.com

Lei nº14.483, de 16 de Julho de 2007 – SP


DISPÕE SOBRE A CRIAÇÃO, VENDA E DOAÇÃO de CÃES E GATOS

Art. 4º  § 4º  Os animais expostos para doação devem estar devidamente esterilizados e submetidos a controle de endo e ectoparasitas, bem como submetidos ao esquema de vacinação contra a raiva e doenças espécie-específicas…

Art. 8º Os canis e gatis comerciais estabelecidos no Município de São Paulo só poderão funcionar mediante alvará de funcionamento expedido pelo órgão competente do Poder Executivo.

Art. 18.  Os canis e gatis estabelecidos no município de São Paulo somente podem comercializar, permutar ou doar animais microchipados e esterilizados.

About these ads
Published in: on 27/11/2010 at 23:13  Comments (48)  

The URI to TrackBack this entry is: http://mariliaescobar.wordpress.com/2010/11/27/fabrica-de-filhotes-abusando-dos-caes-para-esquentar-o-comercio-de-filhotes/trackback/

Feed RSS para comentários sobre este post.

48 ComentáriosDeixe um comentário

  1. Concordo plenamente que deveriamos conclamar toda a sociedade para acabar de vez com este comercio covarde atraves da concientização.Acredito que 90% das pessoas não comprariam se soubessem de onde vem estes animais e como e o sofrimento das cachorrinhas proqriadoras.
    As crianças principalmente precisavam aprender que não se fabricam cães para venda ja na escola.
    Sera isto uma utopia minha ou algo que podemos realizar juntos?

    • Sarah,

      As pessoas veem aqueles animais fofinhos no comércio… então não entendem a covardia que acontece atrás disso. Meu sonho era que uma reportagem dessas passasse na Globo. Todos saberiam a crueldade que acontece.

      • Sarah, concordo com vc , mas infelizmente isso não da ibope!!!!

  2. GENTE ISSO HE SIMPLESMENTE NOJENTO, HE DE ARREPIAR HE DE MORRER DE CHORAR DE VER ESTE INOCENTES PRESOS..ESSE SER QUE ESTA GANHANDO DINHEIRO SEM FAZER NADA A NAO SER DAR COMIDA E AGUA ..SEM PENSAR QUE UM PELUDO VIVE SO DISSO IMPRESSIONANTE ISSO COVARDE ESTE TIPO DE GENTE NOJETO E POUCO ODEIO ISSO…

  3. Muito bom o post, parabéns! Essas fabricas de filhotes são realmente horríveis e deveria haver uma ficalização séria pra acabar com todas elas.
    Abraços

    • Concordo, Kelly!

      Obrigada pela visita e volte mais vezes.

  4. acredito com a informaçao sobre essas fábricas, seria um bom começo pra fazer valer a lei.

    • Se Deus quiser, Sandra!!! Rezo para isto acontecer logo e essas fábricas de filhotes acabarem de uma vez por todas.

  5. Muito esclarecedora a matéria, embora eu já tenha plena consciência de tudo isso. Acho que fábrica de filhotes alguma deveria existir, não importa se ela é “séria” ou não é. O fato é que fábrica dde filhotes jamais deveria existir. Agora, o que mais me impressiona é que ao final da matéria vem um anúncio de fábrica de filhotes. Não entendi o objetivo da matéria.

    • Penha,

      A PETA é uma organização mundial que luta pelos direitos animais. Não comercializa animais. Se fosse assim, perderia todo o sentido da matéria.

      Abraços e volte mais!

  6. O anúncio de fabrica de filhotes foi retirado.

    • Penha,

      Acho improvável porque somente EU tenho acesso ao blog e eu não coloquei nem tirei nenhum anúncio. Mas obrigada pelas suas visitas.

      Comente, avalie e opine. Você será sempre muito bem vindo!!!

      Marilia

  7. Comprei uma york, em uma fábrica de cães; mas, a gente só aprende, quando leva uma lição; fiiquei intrigada, porque não deixam as pessoas entrarem no canil, que fica sempre no terraço; só ouvia latido e choro de câes; a minha, quando cheguei em casa, ela estava toda fedida, com a tala nas orelhinhas, e coçava muito; então resolvi tirar a tala, e encontrei um ouvido muito sujo, e quase podre; levei ao vet, e ela estava com uma infecção brava nos ouvidos…As orelhinhas tortas, devido a maneira que foi enfaixada; Dei os remédios, e hoje, depois de muito sofrimento, ela está bém… E este canil, e registrado no Kennel Clube; cadê a fiscalização? Comprei por 1200´00… muito dinheiro …

    • Meu Deus, Neusa! O pior é que é desta forma mesmo.

      Há tantos animais para serem adotados. Na próxima, passe no blog que eu te indicarei vários protetores que com certeza, cuidam muito bem dos animais e você ainda não paga!!!!

      Beijos,

      Marilia

  8. Tem gente que acha chique comprar um animalzinho!!!
    Pra mim, chique mesmo é tem um vira-latas adotado!!!
    Tenha e receba Amor incondicional e alegria sempre!!!

    • Disse TUDO, Marcelo! Amigo não se compra… ADOTA!!

      Marilia Escobar

  9. Gostei do blog!

  10. Infelizmente quem compra animais de raça em geral está interessado na grife, na “marca”, para exibir para os amigos, se sentir como alguma celebridade que admira ou simplesmente estar na moda. Essas pessoas vão continuar fechando os olhos e vendo apenas o filhote gordinho e cheiroso na pet shop, da mesma maneira que fecham os olhos e compram animais de pelúcia fabricados na China,que todos sabem que submete seus trabalhadores a condições degradantes pelo lucro.
    Essas pessoas não querem um animal SRD e não vão querer nunca. Na verdade é gente que deveria ao invés de adquirir um cão, comprar um conjunto de móveis, um sapato ou bolsa caríssimos para mostrar e se sentir realizado.
    O ideal seria que parassem de reproduzir cães para venda, sejam criadores, canis ou indivíduos. Vida não se vende, não deve ser objeto de lucro.

  11. gente, não fazemos abaixo assinados diversos? para crimes de maus tratos, etc? por que não para esse tipo de coisa, quem se manifesta com fiscalização rígida, vamos esperar até quando essas autoridades salvarem os peludos os gatitos? Por a mão na massa a autoridade é nossa também! Um advogado de bom conhecimento na área, isso existe há anos, e nunca tive oportunidade de lançar mão de uma ferramenta tão poderosa como essa. Que fim terão eles? Nós vamos cuidar sempre e pagar pelas irreponsabilidades deles os luxos, as ganÂncias os caprichos? Por que não se cria uma lei que proiba essas reproduções, em tanto exagero e sem conhecimento do que faz? Prejudicam os pobrezinhos, a nós que estamos nos desgastando com peludos que de repente, não é fruto dessa reprodução absurda, e que tem que que ser assistido, de verdade, não que eles não tenham que ser salvos ou assistidos, mas na verdade aumenta e mais do que triplicam os casos de abandonos, má formação, e nós, temos pena e imploramos alguém que se manifeste em ficar, ajudar, vacinar vermifugar, alimentar, quando na verdade esses seres frutos de reprodução só vem aumentar mais ainda nosso sofrimento, claro que somos contra a eutanásia, e aí aumentamos mais esforços, redobramos nossas forças, somos mais criticados, pois não podemos contar com essas ajudas. Eu não sou a palmatória do mundo, mas se já não damos conta dos peludos já existentes, que dirá os que eles colocam, despejam, nas ruas com suas absurdas experiências? Fui clara? Fundo de Quintal jamais, reprodução necessária e consciente talvez com uma forte fiscalização e controle. Amo de verdade animais, faço tudo a medida do possível, mas quando temos que colocar a Boca no Trombone temos que ser unidos também, olha que sofrimento? Nem aguentei ver a matéria toda já sei até o que é dito. Choro sofro, e eles? Ah eles vão continuar com esse inferno dos infelizes qu nada tÊm a haver com isso. Espero sinceramente que alguém formado,não como eu em admnistração, mas, em direito, sancione leis proibindo tais tipos de reproduções. Mais uma vez, Desculpem o desabafo! Bom Dia a todos.

    • se fizerem o abaixo assinado eu assino, isso é muita maldade, se ganhar dinheiro vão trabalhar vagabundos

  12. muito boa a materia espero que meu enorme comentário seja lido e observado com carinho, minha revolta é grande. abraços

  13. É uma pena que os animais sejam usados simplesmente como máquinas para servirem ao ser ”humano”… Isso têm que acabar o mais rápido possível!
    Enquanto pessoas compram UM animal em pet shop, CENTENAS morrem nos CCZs esperando a chance de serem felizes! E quem pode dar essa felicidade a eles? Essas pessoas mesmo que, ao invés de comprar, poderiam ADOTAR um animal.
    Não adotam porque é vira-lata? Garanto que esses animais têm muito mais raça do que muito ser ”humano” por aí, a começar por esses mercenários cruéis, donos das fábricas de filhotes!
    Sejamos conscientes: NÃO COMPRE ANIMAIS, ADOTE! Animais adotados tendem a dar aos donos, um amor incondicional e sem dúvida, uma fidelidade eterna!

  14. A maioria das pessoas desconhecem esses fatos, temos que divulgar!Não suporto olhar para aqueles coitadinhos expostos dentro de uma jaulinha!Alguém suportaria uma hora sequer ali? Fora isso tem outras coisas que não mostram. Vamos divulgar, é a única forma de cosncientizar a população!

  15. Amei seu site e suas fotos, tb concordo. Existem pessoas e empresas que vivem da exploração de animais!

  16. SOU 100% CONTRA COMERCIO ANIMAIS DE QUALQUER ESPÉCIE. É UM ABSURDO MESMO. LAMENTÁVEL QUE AINDA EXISTEM PESSOAS QUE ALIMENTAM ESSE COMÉRCIO SIMPLESMENTE PORQUE QUEREM ANIMAL PARA CHAMAR ATENÇÃO DAS OUTRAS PESSOAS E NÃO SIMPLESMENTE PARA AMAR E SER AMADO. NÃO PRECISA TER RAÇA NEM PEDIGREE PARA AMAR

  17. Oi Gente, me perdoem a intromissão, mas queria deixar ak a minha experiência, eu tenho hj 9 cães, sendo apenas dois fruto de compra em um canil…os outros todos adotados de maus tratos, como por exemplo a Linda, uma vira lata que estava amarrada numa ponte da cidade onde moro para morrer enforcada…enfim, os que adiquiri, foram realmente complicados, o York, era muito pequeno e eu tinha pena dele, acabei negociando, para trazê-lo para casa, pois não consegui que a moça me desse..enfim…ele não latia, não deixava a gente chegar perto, era uma tristeza só quando fui no canil, ele encontrou uma poodle que ele dividia a gaiola, e eles ficavam felizes, eu implorei para pegar ela em adoção, e a dona, me pediu mais 1200,00 reais, enfim, acabei comprando, hj eles estão comigo há 8 anos, são felizes ao lado um do outro e eu não me arrependo de ter feito a compra, pois são parte da minha razão de viver..mas jamais esquecerei a dor que a poodle tem até hj por ter vivivo em gaiolas, as quatro patinhas são deformadas… é muito triste …

  18. Somos ignorantes conscientemente, saber verdades da trabalho pois exige conviver com o sabido e ai aparecem muitos conflitos internos e poucos nessa sociedade querem tal coisa…assim basta saber o preço… Parabéns pelo artigo.

  19. Olha lamentável o que estes animais sofrem,sou totalmente contra comercio de animais,tenho 3 todos adotados recolhidos da rua minha mais velha tem 15 anos e é uma linda vira latinha .. então ame sem preconceito de raça,para amar não exige se muito,garanto que o amor sera retribuído com total sinceridade verdadeira …

  20. Amigos Leitores,

    Obrigada pelos comentários super pertinentes!!!

    Abraços,

    Marilia Escobar
    BLOG DA MARILIA

  21. Existem sim, criadores responsáveis que tratam dos pais antes de cruzar, tratam muito bem das mães e filhotes, mas esses, jamais vendem para pets.
    O que mais está errado é a permissão de pets venderem animais, pois elas pegam filhotes de vários pseudo criadores (chamados cachorreiros) que produzem em massa a raça da moda e sacrificam as que saíram de moda ou não tem mais idade para cruza.
    Tudo o que foi escrito contra a atipicidade das raças é a total verdade e principalmente o fechamento de linha, trazendo ao mundo filhotes doentes e cheios de problemas genéticos e congênitos.
    Já existem muitos cães abandonados para continuar fazendo da criação de raças de modismo, uma profissão.
    Quem ama os animais, vai salvar vidas nas feiras de adoção, na Suipa e centro de zoonose.
    Faça o bem e ajude aos que precisam de um lar, carinho e proteção e principalmente, não abandone seus animais na velhice e na doença, pois é nessa hora que eles mais precisam do nosso amor.

  22. Galera!!!! Precisamos nos unir ainda mais e exigir das autoridades que a criação e venda de animais sejam proibidos! Temos que nos mobilizar pacificamente e protestar…Não aguento mais ver tanto sofrimento dos animais! O ser humano tem leis que os defendem,mesmo que os crime seja bárbaro, que nos choque!
    Nós elegemos os governantes, temos que cobrar deles as mudanças das leis!

  23. É .. infelizmente o ser humano não é digno de nada mesmo….
    amo os animais, tenho um cão lindo que é minha vida, é adotado desde os seus 30 dias de vida.. um gato fofo…que se chama Chicão.. lindo d+++ e infelizmente a minha Cooker que faleceu ha cerca de 1 ano, ja estava velhinha, essa eu resgatei, estava solta na Rodovia Dutra.. cega totalmente… estava perdida, abandonada a propria sorte…
    Mas eu continuo na luta para defender a unhas e dentes os animais!
    adorei o blog, Parabéns!!!!

  24. Tantos cães carentes em canis… triste demais isso poder acontecer livremente. Olha esse anúncio: http://www.olx.com.br/animais-de-estimacao-cat-312

  25. Olá.

    Atualmente sou contra comércio de animais por conta dos abandonados que precisam de casa.
    Apesar disso, no passado, tivemos um canil em família. Realmente vendiamos os filhotes, mas havia um controle. Já vi gente que todo cio cruzava a cadela e ela ficava esgotada – até resgatamos umas assim e cuidamos para que ficassem normais -, já vi gente que deixava os animais constantemente em gaiolas. Entretanto, também vi gente que se dedicava. Nossos cães tinham área para correr durante o dia, ração de qualidade e espaço controlado para que não ficassem hostis.

    Confesso que no final foi difícil continuar cuidado, já que além de paixão exige uma estrutura excelente e nós já estávamos cansadas…

    Só quero dizer que existe o outro lado da moeda e assim como compramos carne no mercado, e esta é produzida sem ética alguma com o animal, também existem os que cuidam deste gado com ética, dando uma alimentação equilibrada e natural, área para andar/pastar, sem o tanto de hormônio que os outros recebem.

    Existe o criador ético e o que só pensa no dinheiro. O ético é minoria e não tem nome. Os compradores geralmente vão nos que tem nome (que muitas vezes estão revendendo filhotes do primeiro, a preço de ouro, com pedigree falso. Já vi isso.)

    Enfim, acho que é isso tudo. =)
    Beijo,

  26. Eu também não aguento mais ver tanta tortura, tanta maldade, tanto desinteresse pela vida dos animais, como se esses não sofressem, não sentissem dor,
    Não aguento tanta maldade que há dentro do ser humano. Isto sangra meu coração.

  27. Concordo com todos voces e me sinto como Edite S. Stauffer, não aguento mais ver tanta crueldade cometida e as vezes quando tenho que assinar alguma petição a respeito desses mal tratos eu prefiro nem ler ou assistir os videos da matéria. Entro nas páginas assino as petições e pronto. Pode até parecer covardia mas o problema é que me sinto tão doente tão fraca e tão triste com tamanhas crueldades, que sofro não só emocionalmente mas fisicamente tambem.

  28. Concordo totalmente q a melhor forma de se obter um animalzinho são nessas feiras de doações ou em cczs, são animais abandonados que já foram maltratados muitas vezes necessitam realmente de um lar, não estou dizendo que os animais que estão nessas fábricas ou canis até não precisem.
    Vc citou que seria bom também comprar de um canil por que a pesssoa tem mais informação e controle do animal que vai comprar mas já ouvi também que em muitos canis que tem “nome”, os animais também são maltratados e como sempre o dinheiro acaba falando mais alto para o ser humano e faz essa reprodução sem nenhum descanso para o animal.
    Não sabia da existência da fabrica de filhotes adorei a matéria!

  29. Pessoal, trabalho com cães em SP, cuido de cães na Serra da Cantareira. Conheço dois cães que foram comprados e vieram doentes para os donos. Por coicidência conheci os dois, foram meus filhotes, eles são meus clientes de hospedagem. Um foi comprado no shop higienopolis e outro no shop morumbi, os dois vieram com a doença do carrapato, e o cretino do canil que vende para o shop higienópolis é o mesmo do morumbi.O proprietário do canil nojento pediu para os donos devolverem os animais doentes e ele daria outros dois saudáveis, mas é claro que não devolveram, pois sabiam que seriam sacrificados. Hoje, os donos cuidam com todo o zelo do mundo, compram remédios caríssimos para mante-los vivos, eles são muito queridos e amados e um deles se hospeda sempre comigo, toma remédios todos os dias para sobreviver. Nós deveriamos todos denunciar na vigilância sanitária, vamos exigir que seja cumprido o que diz no artigo da lei sobre pets, vamos cada um no seu bairro fazer e não só escrever, podemos montar um blog e passar o endereço de cada pet que faz isso, um ajuda o outro a denunciar, quem aderir por favor me procure. Vamos fazer a nossa parte.

  30. Concordo plenamente com tudo que foi dito acima, mas existe um porem, tenho um canil, meus cães não ficam em gaiolas, portanto EXISTEM EXCEÇÕES, meus cães são minha vida, tenho um veterinario que acompanha todos os adulto e tambem os filhotes desde o seu nascimento, ministro vitaminas, suplementos, trabalho com cios de descanço para minhas mamães, tem uma casa todinha pra eles, passo horas e horas, praticamente o dia todo brincando com eles, todos atenddem pelos nomes, todos conhecem minha voz, meu cheiro, é uma festa total a minha vida, meus filhotes são queridos, saudaveis, eles tem todo tipo de brinquedo disponivel, as pessoas vem na minha casa comprar e ficam espantadas com o quanto amoroso eles são, pois transmito muito amor e atenção a todos eles desde seus primeiros dias, tiro fotos e fotos de todos eles, babo em cima deles, são meus anjos que vem com a missão de torna o meu dia muito melhor, quando alguem vem comprar um dos meus filhotes e percebo que alguem da familia não gosta muito de cães, peço para a pessoa ir pra casa e pensar com calma se todos da familia estão preparados para cuidar de um filhote, de um ser vivo. Tento fazer com que as pessoas pensem bem e não comprem no impulso, pois se é pra levar do meu canil pra ser maltratado, deixe aqui pois ele é muito bem tratado.
    Então pra finalizar, existe sim fabrica de filhotes, por isso pegunte o maximo que vc puder antes de comprar um filhote, como são tratados, onde vivem, pergunte principalmente sobre a raça, origem, lendas, pra ver se o criador conhece o minimo possivel sobre o seu cãozinho, observe se ele é brincalão, se atende a voz do criador ou reage com medo.
    ATENÇÃO:
    CRITICAS SÃO BEM VINDAS, MAS NÃO GENERALIZE, ASSIM COMO DENTISTAS, MÉDICOS, PROFESSORES, GOVERNADORES,
    SE INFORME ANTES!!!

    • Tatiane,

      Não duvido que existam canis que realmente se preocupam com o animal e menos com o dinheiro. Assim como acredito que possam existir políticos bons no governo (mesmo que seja inacreditável). E justamente por conhecer e entender do assunto, tenho total autonomia para dizer que em ambos os casos (nos canis e no governo), os bons são MINORIA, infelizmente.

      Bom seria se não tivéssemos que informar as pessoas dos maus tratos e da exploração que ocorrem em tais lugares. Porém, parabenizo seu cuidado com os animais e torço para que continue, pelo bem deles!

      Mas amigos, ADOTEM! Há milhares de cães abandonados a espera de um lar e muito amor!

      Marilia Escobar

  31. Eu concordo com tudo que vcs estão falando, mas e qdo a gente ama uma determindada raça?? Como devemos proceder??? Eu quero adotar, mas eu AMO goldens tb…….nunca mais vou poder ter?? como faço??

    • Olá, Ana!

      Entendo o que sente, mas, procure nas redondezas de sua casa, sempre existem cães de raça para adoção. Não pense que somente vira-latas são rejeitados!

      Procure que tenho certeza, encontrará!

      Beijos,

      Marilia Escobar

  32. Se as pessoas deixarem de comprar filhotes sem pedigree não haverá mais fabricas.Sou louca com um yorkshire mas não posso comprar ,pego muitos cachorros de rua cuido ficam lindos e arrumo donos confiaveis mas só tenho uma poodle,e assim vou cuidando dos bichinhos abandonados .]

  33. “Quando se é capaz de lutar por animais, também se é capaz de lutar por crianças ou idosos.
    Não há bons ou maus combates, apenas o horror ao sofrimento aplicado aos mais fracos que não podem se defender”.

  34. Gente, estou impessionada com estas informações. Comprei meu filhotinho de Lhasa Apso no pet shop, mas não sabia de nada disto!! Nunca tive cachorros e estava totalmente desinformada! Ele estava na gaiolinha sozinho, exatamente como vocês estão falando….fiquei com pena dele e comprei, achei que estava ajudando o cãozinho. Isto devia ser proibido por lei!!! E deveria ser muito mais divulgado para que pessoas desinformadas como eu não alimentem esta fábrica irresponsável.

    • Jéssica,

      Infelizmente muitas pessoas não sabem desta triste realidade. E se você quiser ajudar a acabar com este crime, mande a matéria para seus amigos e conhecidos!

      Obrigada!!

      Marilia Escobar

  35. Eu não tinha noção desse comércio,realmente é deplorável,nos USA tem cadeia para maltratos de animais,aqui tem que haver campanhas contra esse abuso…

  36. PESSOAL, VAMOS NOS UNIR E FAZER UM ABAIXO-ASSINADO!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 990 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: