As cangas no Quadrilátero Ferrífero: Biodiversidade & Conservação.

Com este título, o Biólogo e Mestre em Ecologia, Conservação e Manejo da Vida Silvestre Flávio Fonseca do Carmo desenvolve palestra que pode ser agendada por grupos interessados em debater o assunto.

São abordados temas como Geodiversidade do Quadrilátero Ferrífero, alteração da paisagem, ambientes associados aos afloramentos ferruginosos, diversidade e endemismos da flora, uso e Ocupação do Solo, ecossistemas subterrâneos e conservação.

Os interessados podem fazer contato diretamente pelos correios eletrônicos: carmo.flaviof@gmail.com ou flaviofc@ufmg.br.

As Cangas no Quadrilátero Ferrífero: Biodiversidade e conservação.

Palavras-chave: Campos rupestres, perda de habitat, canga, biologia da conservação, biodiversidade.

Nas montanhas formadas pelos gigantescos depósitos de minério de ferro que delimitam o Quadrilátero Ferrífero (QF), região central de Minas Gerais, estão localizados os afloramentos ferruginosos conhecidos como cangas. As cangas constituem verdadeiras “ilhas de ferro” distribuídas nos topos e encostas das serras, em altitudes que variam de 900 a 1900m.

A heterogeneidade topográfica das cangas, resultado de uma evolução geomorfológica muito peculiar reflete-se numa variedade de geótopos como cavernas, fendas e paredões. Estes, por sua vez, abrigam uma fauna e flora muito diversa. Até o presente já foram identificadas mais de 1000 espécies de plantas vasculares nos campos rupestres sobre cangas no QF.

Devido ao acesso difícil, à distribuição em áreas restritas e por ocorrerem associadas aos importantes depósitos de minério de ferro, as cangas estão entre os ecossistemas menos conhecidos, embora entre os mais ameaçados do sudeste brasileiro. Dessa forma, a divulgação do conhecimento acerca do seu estado atual de conservação e da biodiversidade, torna-se a pedra angular para a preservação desses ameaçados ecossistemas.

Temas abordados na palestra:

  • Geodiversidade do Quadrilátero Ferrífero;
  • Alteração da paisagem;
  • Ambientes associados aos afloramentos ferruginosos;
  • Diversidade e endemismos da flora;
  • Uso e Ocupação do Solo;
  • Ecossistemas subterrâneos;
  • Conservação.

Artigos sobre afloramentos ferruginosos

Carmo, F.F. 2008. Perda de habitat em cangas do Quadrilátero Ferrífero: um ecossistema condenado a desaparecer? In: Anais do Simpósio sobre Afloramentos Ferruginosos no Quadrilátero Ferrífero, 122-128. CD.

Jacobi, C.M. & Carmo, F.F. 2008. The Contribution of Ironstone Outcrops to Plant Diversity in the Iron Quadrangle, a Threatened Brazilian Landscape. AMBIO, 37(4): 324-326.

Jacobi, C.M. & Carmo, F.F. 2008. Diversidade dos campos rupestres ferruginosos no Quadrilátero Ferrífero, MG. Megadiversidade, no prelo.

Jacobi C.M., Carmo F.F., Vincent R.C. 2008. Estudo fitossociológico de uma comunidade vegetal sobre canga como subsídio para a reabilitação de áreas mineradas no Quadrilátero Ferrífero, MG. Rev. Árvore, 32(2):345-353.

Jacobi C.M., Carmo F.F., Vincent R.C., Stehmann J.R. 2007. Plant communities on ironstone outcrops – a diverse and endangered Brazilian ecosystem. Biodivers. Conserv. 16, 2185-2200.

Recebido por email.

Anúncios
Published in: on 17/08/2010 at 21:46  Comments (2)  

The URI to TrackBack this entry is: https://mariliaescobar.wordpress.com/2010/08/17/as-cangas-no-quadrilatero-ferrifero-biodiversidade-e-conservacao/trackback/

RSS feed for comments on this post.

2 ComentáriosDeixe um comentário

  1. tá me ajudando na dissertação do mestrado.. 😉 vou citar seu blog nas referências kkkkkkkk

    • Leooooooooo Gordo??? É você?
      Quero referências! hahahahaha


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: