Programa Domingo Espetacular questiona o uso de animais na experimentação científica e na educação.

2205628449_a45b977041Um exemplo a ser seguido pela imprensa tradicional. É dessa forma que podemos resumir a reportagem especial veiculada no último dia 16, no programa Domingo Espetacular, da Rede Record, sobre aulas e pesquisas científicas envolvendo animais não humanos. Pela primeira vez uma reportagem da grande mídia brasileira questiona com consciência e responsabilidade a tradição de se explorar e matar animais em nome da ciência.

A matéria da repórter Camila Busnello, editada pelo jornalista Lucius de Mello, tem cerca de nove minutos, e é bastante abrangente ao abordar diversos pontos sobre a exploração animal em laboratórios e instituições de ensino. Na chamada, as apresentadoras questionam: até que ponto os seres humanos têm o direito de usar os animais em benefício próprio?  A reportagem começa apresentando um método substitutivo para acabar com a tortura de animais. O cão robô, criado por Nick Jukes, é um  cachorro artificial feito com material sintético que permite experimentos didáticos como ouvir os batimentos cardíacos e extrair sangue. A matéria segue mostrando imagens de um macaco-rhesus que teve o crânio aberto e mantido sem comer e beber durante várias semanas em um experimento israelense, descrito como “uma das experiências mais cruéis já realizadas”.

Camapanha_Vivissecção_Macaco

Também foi relatado o caso cruel e revoltante da dissecação de coelhos numa escola pública de Goiânia (GO), além de um software que mostra reproduções virtuais de corpos de animais não humanos – o qual evita que animais vivos sejam explorados, violados e mortos nas aulas – e iniciativas em algumas universidades que, em seus cursos de Medicina Veterinária, substituíram aulas com animais vivos por meios de ensino usando-se partes artificiais de corpos de animais. Além disso, foi mencionado que a indústria brasileira de cosméticos aboliu os testes em animais.

A reportagem, que destaca a atuação da ANDA e entrevista a fundadora e jornalista Silvana Andrade, acaba sendo um marco no abolicionismo brasileiro, já que demonstra o progresso da mudança da maneira como a imprensa vê as diversas formas de exploração animal. Convém relembrar que a Record, já há alguns anos, tem uma tradição de denunciar métodos de promoção de crueldade contra animais.

A equipe da ANDA parabeniza a direção e todos os jornalistas do Domingo Espetacular envolvidos na produção da reportagem.

Assista a reportagem na íntegra abaixo.

Texto retirado do site ANDA NEWS.

OBS: Para saber mais sobre a vivissecção, clique aqui. Existe hoje, disponível ONLINE para download, livro sobre alternativas ao uso de animais vivos na educação (veja aqui).

Marilia Escobar

The URI to TrackBack this entry is: https://mariliaescobar.wordpress.com/2012/12/26/programa-domingo-espetacular-questiona-o-uso-de-animais-na-experimentacao-cientifica-e-na-educacao/trackback/

RSS feed for comments on this post.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: